San Francisco: Bay Area 

  

Deixei para visitar a Golden Gate em um dos últimos dias, pois eu teria tempo de vê-la em torno das 14h, quando teria menos neblina. A ida foi de busão mesmo, aliás já falei em outros post e repito que o transporte público em San Francisco é super tranquilo e eficiente! A dica é baixar o app do Google Maps, nele você coloca o horário de saída, sua origem e destino e sua forma de transporte, no meu caso era “público”, ele então calcula as rotas e as opções. É fácil porque ele mesmo diz em qual rua eu pegava o ônibus, em qual rua eu descia e qual o trecho a ser percorrido a pé. Foi bem tranquilo, a única coisa é ficar atento porque uma mesma quadra pode ter várias paradas de ônibus e cada linha tem a sua. 

  

Chegando na Golden Gate, foi aquela sensação de: “agora sim estou em San Francisco”!

Quando projetada foi considerada impossível de ser construída por muitos engenheiros e hoje é considerada uma das sete maravilhas do mundo moderno! Ela é certamente o cartão postal da cidade e foi inaugurada em 1937, depois de 4 anos de construções em meio a ventos, neblinas, rochas e chuvas. Seu trajeto tem 1,7 milhas, algo como 2,7km, facilmente percorríveis a pé ou de bike! 

   

     

 Depois de atravessar a Golden Gate e voltar, resolvi seguir o passeio pela Bay Area. A próxima parada foi o Fort Mason, um parque muito bem localizado e frequentado. Crianças correndo, pessoas levando seus cachorros para passear, uma galera andando de bike, um grupo de pessoas fazendo Yoga e o pôr do sol rolando…de longe dava para ver a tão linda e laranjinha Golden Gate já com um pouco de neblina! 

  

 

  

 

Seguindo pelo parque, cheguei em Ghirardelli Square, a mesma do primeiro dia, como era o último dia, foi o momento de fazer as compras dos chocolates e presentes para levar para os amigos do Brasil!! Dessa vez me controlei para não tomar nenhum chocolate quente, porque o jantar seria logo mais no Pier 39! 

  

 Atrás da Ghirardelli Square fica a algumas ladeiras de distância a famosa Lombard Street e seu zigue-zague. A idéia foi de um morador da cidade Carl Henry em 1922, com a finalidade de eliminar os 27 degraus e possibilitar a passagem de carros pela via! 

   

 

 

Segui de volta para a orla e não podia deixar de registrar a arquitetura vitoriana de San Francisco, não eranenhum ponto turístico, era simplesmente casas residenciais da região, mas que chamavam a atenção pela graciosidade: 

   

 

Chegando na oral comecei a perceber os mercados de frente pro mar, uma feira com barracas vendendo peixes frescos, barcos pesqueiros, caldeirões com caranguejos gigantes, restaurantes com frutos do mar e a enorme padaria Boudin…sim, tinha chegado em Fisherman’s Wharf! A região tem uma atmosfera mais turística, com várias lojinhas de souvenir, redes de fast food e aquela coisa americanamente plastificada, mas estando em San Francisco não podia deixar de conhecer, apesar de que não foi a parte que mais gostei da cidade. É dessa região que se vê a prisão de Alcatraz pois fica a 2,5 km de Fisherman’s Wharf. A prisão funcionou de 1934-1963 e abrigou presos como o conhecido gângster Al Capone.

Andando por Fisherman’s Wharf e ouvindo de longe os leões marinhos, se chega ao Pier 39! Um reduto de restaurantes mais turísticos, foi onde fiz meu último pit stop antes de pegar o bonde pro hostel. Parei no Hard Rock Cafe, sentei no balcão pedi uma cerveja artesanal local e claro um bom e suculento hamburguer, para finalizar essa USAtrip da maneira mais clássica possível!! 

  

 Sem dúvidas foi mais uma das viagens que entram para o hall de viagens diferentes que eu fiz, nem tanto pelo lugar, mas pela experiência que ela me possibilitou de desvendar uma cidade americana usando os pés e os meios de transporte locais, muito diferente das vezes com minha família quando alugávamos um carro e andávamos milhas pelas highways. 

 Termino esse post com uma frase do Mark Twain: “Veleje para longe da baía segura. Pegue os ventos mais desafiadores. Explore, sonhe e descubra.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s